14 de abril de 2012

Helicóptero

A primeira vez que o trio viu um helicóptero foi na casa de praia enquanto o trio tomava banho de piscina, foi a sensação do dia, imitavam o som do helicóptero e fiscalizavam o céu para ver outro passar. O Vinicius aprendeu a falar "helipopo". É engraçado como as crianças são fascinadas por tudo que voa, começaram a adorar os pássaros, e depois o helicóptero e na última viagem conheceram o avião. Tia Thaís sabendo da novidade tratou de arranjar uma visita exclusiva para conhecerem os helicopteros da Base Aérea de Natal, foi um passeio muito legal e que ficará para sempre na recordação do trio.

Há aproveitamos a presença na base áerea para visitar minhas amigas que adoraram a visita surpresa.

Amo muito meus bebês.
Visita a Base Aérea de Natal com o Nicolas aprendendo a pilotar um Helicóptero

Mamãe e Sofia na carona

Os pilotos mirins: Sofia e Nicolas

Tia Thais com Sofia: Adoramos o passeio Tia!

Mamãe com Nicolas, Elaine com Sofia, Liege com Vinicius e Tia Thais

No trabalho das amigas da mamãe: Tia Dani com Sofia e Tia Jane com Vinicius

Tia Jane ganhou o dia com a Sofia no colo


A primeira viagem do Trio

A primeira viagem do trio aconteceu na quarta-feira de cinzas do Carnaval quando o trio ia completar 1 ano e 4 meses. Foi loucura! E fomos avisados que era melhor arriscar viajar com eles depois que completassem 2 aninhos, mas o Pai estava ansioso para agradar os adultos, o que inclui a mamãe e as babás, que estavam entendiados com a rotina de clausura. Papai foi corajoso.

Escolhemos um roteiro que desse para ir de avião mas que ficasse no máximo 1 hora no vôo. E escolhemos um hotel que tivesse estrutura para atender bebês, acabamos por escolher o Resort do Beach Park. Apesar do cansaço dos adultos, os bebês adoraram o passeio, porque tinha muita programação, na praia, na Brinquedoteca, no Beach Park, que ficava dentro do resort. Achávamos que eles ficariam tão cansados que dormiriam a noite inteira, ledo engano. Descobri que não existem regras para uma noite de sono boa, pois estava tudo perfeito para ser excelente e no final era o caos. Os adultos realmente ficavam acabados mas os bebês não se abalavam.

Sentimos um pouco de dificuldade na refeição porque os bebês almoçam cedo (11:00) e gostam de comer comida temperada igual a dos adultos, mas o hotel insistia em preparar comida de bebês, até que no final das férias eles entenderam e começaram a mandar comida de verdade, aí sim os bebês comeram bem.

A viagem de ida de avião foi mais tranquila do que a da volta, porque a choradeira de Nicolas na hora de decolar e aterrizar foi grande. Em função da diferença de pressão os bebês começarm a chorar neste momento, mães que ainda dão peito tem uma excelente arma para acalmá-los, e agente tinha as mamadeiras. Deixávamos para dar o suco neste momento para amenizar a afliação deles, já que a sucção alivia a pressão que eles sentem no ouvido. O pior foi a cara feia de adultos que sentavam próximos, que fusilavam a gente com os olhos, achando o fim da picada a gente passear com as crianças, por certo eles não tem filho ou se tem vivem em uma jaula. Uma mocinha que estava ao meu lado simulou até que ia vomitar porque não estava aguentando o choro deles, então eu disse para ela que quando era solteira eu era igual a ela, tinha alergia a mães que carregam seus filhos no avião chorando, mas quando eu pedi a Deus para eu ter um filho ele me deu logo três. E disse que se eu tive uma infância alegre e com liberdade, meus filhos iriam ter também, porque não seriam penalizados por terem nascido juntos. Então ela parou de simular o enjôo e ficou mais solidária.
Para mães de múltiplos que quiserem se arriscar numa aventura a mais é só viajar...vai ser uma delícia!!!!

Vejam algumas fotos do trio, não tiramos quase foto porque não tivemos tempo de parar, mas foram muitos momentos de alegria, como navegar na piscina com correnteza, o primeiro encontro com o AquaCircus, o AquaShow e os mergulhos da Sofia na piscina de ondas. Muita diversão para as babás também que desceram nos topoáguas. O saldo final foi quatro adultos destruídos mas uma família cheia de diversão.

Vinicius, Sofia e Nicolas prontos para ir para aeroporto

Vinicius e Mamae com Nicolas e Sofia esperaldo o balde cair

Mames e Nicolas

Vinicius encantado com a água brotando do chão

Sofia correndo para diversão



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...